qua
22 fev
2017

Lista de preços em Buenos Aires: quanto custam as coisas?

Postado por Thaís Towersey - 17 Comentários

Uma das coisas que todo mundo quer saber são os preços em Buenos Aires! Vocês pediram muuuuuito essas infos em outros comentários de posts da Argentina, e por isso vim contar, assim todo mundo pode programar o orçamento e não levar dinheiro demais ou de menos!

 

Indico nos seguir no Instagram @guiamundoafora
para ver todas as fotos da nossa viagem a Buenos Aires!
Você também pode procurar pela Tag #GMAemBuenos ou #TOP3BuenosAires 😉

 

CÂMBIO

Para começar, não deixe de ler meu post sobre câmbio na Argentina que está atualizadíssimo! Todos os preços que colocarei aqui serão em Pesos Argentinos convertidos em Real pela cotação que peguei em Fevereiro de 2017.  Vou tentar atualizar os valores, mas fique sempre atento às mudanças de câmbio!

 

DICA: Vale a pena levar Reais e já trocar no aeroporto, já que os valores oficiais do Banco de la Nación são padronizados na cidade!

 

 

Preços em Buenos Aires

 

PREÇOS EM BUENOS AIRES

Já pra te adiantar: os preços em Buenos Aires não são mais baratinhos como antes! Claro que existem barganhas ainda muito boas, como transporte e vinho (mesmo em restaurantes), mas comida, no geral, hotéis e compras estão no nível padrão São Paulo.

 

Claro que a gente sempre acha uns buracos aqui ou ali que são mais baratos, mas prepare-se para gastar mais ou menos o mesmo para comer e beber na capital paulista!

 

PREÇOS EM BUENOS AIRES DE HOSPEDAGEM 

Me hospedei em 3 hotéis diferentes na cidade, 4 estrelas e 5 estrelas, que custam a seguinte média:

 

Há opções bacanas de 3 estrelas bem avaliados no Booking por uma média de R$90,00!

 

Veja os melhores preços de hotéis em Buenos Aires

 

PREÇOS EM BUENOS AIRES DE RESTAURANTES 

  • Carnes argentinas – média de $300 a $500 pesos (R$58,00 a R$96,00)
  • Guarnições – média de $80 a $120 pesos (R$15,00 a R$23,00)
  • Vinhos – média de $325 pesos por uma garrafa (R$62,00)
  • Drinks – média de $140 (R$27,00)
  • Sobremesas – média de $80 pesos (R$15,00)
  • Combo do Mc Donalds – média de $89 pesos (R$17,00)

 

Claro que esses valores vão se modificar de acordo com o nível do lugar, localização e tudo mais, mas a média ajuda a vocês terem uma noção dos preços em Buenos Aires em restaurantes. Para se aprofundar mais ainda, não deixe de ler meu post Top 3 restaurantes de carnes Argentinas, que fala os preços e fotos de cada coisa que comi!

 

Preços em Buenos Aires

 

PREÇOS EM BUENOS AIRES DE TRANSPORTES 

  • Transfer privado do aeroporto Aeropoarque – média de R$80,00 até 4 pessoas
  • Transfer privado do aeroporto Ezeiza – média de R$130,00 até 4 pessoas
  • Táxi com corrida de 15 minutos – média de $100 pesos (R$20,00)
  • Passagem de Metrô –  $7,50 (R$1,50)
  • Passagem de ônibus – $6,50 (R$1,25)

 

Como disse, os preços em Buenos Aires dos transportes ainda são beeeem baratos e vale a pena rodar bastante de táxi se você já tiver alguém para dividir. É importante frisar que antigamente os taxistas da cidade eram bem mal falados, mas não tivemos problemas com ninguém nessa viagem!

 

Ah! E saiba que para andar de metrô em Buenos Aires você precisa comprar um cartão magnético que custa $50 pesos (menos de R$10,00) e ir recarregando! Não há ticket avulso que nem compramos no Rio ou SP!

Para saber mais detalhes confira o post Como rodar em Buenos Aires

PREÇOS EM BUENOS AIRES DE SHOWS DE TANGO

  • Tango Porteño – média de $120 dólares por jantar + show na platéia (R$390)
  • Esquina Carlos Gardel –  média de $140 dólares por jantar + show na platéia (R$450)
  • Esquina Homero Manzi – média de $900 pesos por jantar + show na platéia (R$175)

 

Nós já temos um post com o comparativo de 3 tangos em Buenos Aires, mas essa média já ajuda! Os shows não são baratos, e te adianto: alguns não valem o preço com jantar. Se o orçamento está apertado, a dica é pegar somente o show, que em muitas casas custa $30 dólares (R$96,00) e jante antes em outro lugar da sua escolha!

 

Preços em Buenos Aires tango

Tango Porteño

 

PREÇOS EM BUENOS AIRES EM QUIOSCOS OU BANQUINHAS

  • Água mineral pequena – média de $25 pesos (R$4,80)
  • Biscoito de água e sal – média de $15 pesos (R$2,80)
  • Coca Cola – média de $20 pesos (R$3,80)
  • Alfajor – média de $20 pesos (R$3,80)
  • Chilete tipo Trident – média de $10 pesos (R$2,00)

 

Eu já acho que os preços em Buenos Aires desses petiscos e coisinhas em mercadinhos (ou quioscos, que é como eles chamam) estão salgados. Tipo R$5,00 em uma água na rua??? E se sair pegando em qualquer lugar, pode pagar mais caro ainda! Se programe, faça um mercado pra ver se sai mais barato ou já inclua no orçamento esse valor. O que não dá é deixar de se hidratar, ainda mais no verãozão argentino…

 

Eu confesso que não sei listar preços de bermudas, blusinhas e compras em geral, gente, pois não comprei NADA. Passei na frente de lojas, vi que o valor estava nível São Paulo e nem me animei. Se alguém aí souber valores de perfumes e coisinhas assim, eu iria adorar as dicas 🙂

 

BALANÇO GERAL

Acredito que Buenos Aires ainda é uma viagem bem em conta para se fazer, ainda se considerar a passagem que toda hora pipoca alguma promo! É um destino maravilhoso para comer e beber muuuito bem, e tem muitos benefícios de se viajar por lá, eu amo!

 

Não deixe de aproveitar uma viagem mais longa, como fizemos, um feriado em Buenos Aires, porque vale muito a pena!

 

 

LEIA MAIS

 

*Os valores pode e vão se modificar com o tempo. Esse artigo é para ser usado somente como base para o seu orçamento.

Faça suas reservas aqui pelo blog

Cada vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão que nos ajuda continuar a atualizar o conteúdo. E você, leitor, não paga nada a mais por isso! Então reserva, vai? :)

Compartilhe

Se gostou das dicas,
receba gratuitamente por email!

Tags:  , , , , , , ,
Thaís Towersey

29 anos, “mãe” orgulhosa de dois gatos e um tanto desequilibrada (veja no Stories!) Trocou as paisagens cariocas pela vida agitada de São Paulo, que hoje ama como sua cidade natal. Apaixonada por viagens e gastronomia, está sempre procurando novos destinos para explorar e mostrar a vocês!
Ache-a no Google + e no Instagram.

Deixe seu comentário

17 Comentários:

  1. Tarcisio Menezes19/10/2017

    Excelente opção ir em mercado… compramos uma “feirinha” para café da manha e lanche e deixamos no hotel. A água fica fria, pelo tempo mesmo, isso tem nos rendido uma boa economia paraconcentrar os gastos em refeições mais “imporatante”… rs

    Responder
  2. Tarcisio Menezes19/10/2017

    Parabéns, Thais. Belo post. Eu e minha esposa estamos em BA agora (outubro/2017) e noto que os valores estão bem compatíveis. Optamos por andar bem, transporte de uber, metrô e ônibus (compra o SUBE está por 25 pesos), visto que os taxistas carregam a má fama. Lembrar que hospedagem e produtos comprados na argentina, quando se guarda a nota e leva na alfândega antes de embarcar, tem o IVA devolvido (21% do valor do produto, não vale para alimentação). Cidade belíssima, com preços bem elásticos, cabe quem vem pesquisar. Ainda assim, notamos mais barato que no brasil, algumas coisas… mas ainda não encontramos algo mais caro, o que nos anima e permite um passeio tranquilo! Bjs e parabéns!

    Responder
    • Thaís Towersey20/10/2017

      Oi Tarcicio, muito bom o seu comentário!! Obrigada por vir adicionar e contar sua experiência 🙂
      Buenos Aires é sempre uma boa pedida <3

      Responder
  3. Camilla Guimarães Pereira17/07/2017

    Boa noite!
    Amei as dicas e gostaria de saber se vale a pena ficar no Bairro Almagro.
    Vi um hotel bem baratinho e bem avaliado mas fiquei com medo do bairro ser ruim.

    Responder
  4. Wesley Felipe26/06/2017

    Thaís, vou tirar férias em janeiro, e pretendo ir pra Buenos Aires. Tenho 23 anos, e tenho um irmão de 13 que quero levar comigo! Porém não faço ideia de qual documentação será necessária. Sei que precisa do visto dos pais, porém, por onde começar? Me ajuda por favor!

    Responder
    • Thaís Towersey30/06/2017

      Oi Wesley, você precisa pegar um formulário que tem que ser assinado pelos dois pais e autenticado.
      No site do Itamaraty tem o passo a passo, veja aqui 🙂

      Beijo grande e bao viagem!

      Responder
  5. Leonardo Alves27/05/2017

    Boa noite. Voce disse que um dos hoteis custava 250 e no site ta mil e pouco, outro de 400 é qs 2000 no site kkk , nas quis nem ver o de 1.800 hhHAHAHHAH. Da dicas de pontos bons?

    Responder
    • Thaís Towersey28/05/2017

      Oi Leonardo,
      os valores mudam de acordo com temporada, disponibilidade e etc… não tem jeito, tem que checar pra época da sua viagem mesmo 🙂
      Pontos de que? De hospedagem? Aqui tem o post sobre hospedagem falando dos hotéis, adorei as localizações.

      Beijão

      Responder
  6. Adorei suas dicas!!! Ajudou bastante!!

    Responder
  7. Marcela13/03/2017

    Obrigada Thais, conheci vc através do Estevam, estou adorando o seu blog.

    Responder
  8. Marcela13/03/2017

    Oi Thais, gostaria de saber o valor brunch no restaurante Elena.

    Responder
    • Thaís Towersey13/03/2017

      Oi Marcela, tudo bem?
      Não lembro exatamente, mas era algo em torno de uns R$200,00 com bebidas e comidas liberadas!!
      Beijão

      Responder
  9. Gustavo Cardoso22/02/2017

    Nossa Thaís os preços das coisas na rua, como a água estão bemm salgados mesmo! Você chegou a ir em algum supermercado pra ver quanto custava lá?
    Beijos! 🙂

    Responder
    • Thaís Towersey22/02/2017

      Oi Gustavo, não está??

      Com certeza é um pouco mais barato, mas é água quente né.. (não fui!)
      Na correria no meio de um tour na rua, não tem como fugir dos kioskos pra beber água geladinha. Mas que ta caro, tá! rs

      Obrigada por deixar sua marca aqui no GMA <3

      Responder

Conta aí o que você acha! :)