seg
02 jan
2017

Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Postado por Thaís Towersey - 12 Comentários

Para mim, o maior desafio de montar uma viagem na Ásia é descobrir como se deslocar de uma cidade para outra, seja no país que for. Meu deus, como é difícil achar essas informações, ainda mais em português! E eu sofri horrores para realmente decidir meu roteiro pois não sabia se ia conseguir rodar dentro da Tailândia da forma que eu queria…

 

Indico nos seguir no Instagram @guiamundoafora
para ver todas as fotos das nossa viagem a Tailândia e no sudeste asiático.
Você também pode procurar pela Tag #GMAnaTailandia ou #GMAnaAsia 

 

Antes de começar qualquer dica, preciso pedir 1 milhão de agradecimentos a minha amiga Taís do ig @shareatripco que respondeu pacientemente mil vezes a pergunta “existe minivan de cidade x para cidade y?”. Sem ela provavelmente eu ainda estaria tentando achar meu caminho para casa.. hahaha Thank you, xará! 😘

 

passagem-tailandia-min-780x585 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Passagem de ônibus

 

Vamos falar aqui sobre deslocamento entre cidades, e não especificamente dentro delas, ok? Vou dar mais detalhes nos posts de cada destino, mas mesmo assim esse texto ficou grande, não teve jeito!

Para falar das formas de rodar dentro da Tailândia, o ideal é vocês verem o roteiro que fiz para antenderem melhor a dinâmica da coisa. Rodei 6 cidades em 17 dias no país, só não cheguei a subir para o Norte, pois “trocamos” Chiang Mai por Myanmar dessa vez.

Clique nos números para ver as cidades em odem de visita:

 

 

 

1. DE MINIVAN

A minivan é a forma mais utilizada pelos tailandeses para rodar dentro da Tailândia, e em tese, a mais rápida. Elas nada mais são que as famosas lotadas que conhecemos no Brasil, e bombam tanto pelo mesmo motivo: levam você de um ponto a outro que o busão não passa.

 

Pontos positivos:

Se você quer fazer um trajeto exótico e rodar bastante cidades por terra, pode ter certeza que alguma minivan vai te levar lá! E elas são suuuper baratas. Com R$20,00 você roda dentro da Tailândia distâncias longas.

 

Pontos negativos:

O complicado é você descobrir com antecedência os horários que as minivans saem. Se você é controlador e quer saber cada segundo do seu roteiro como eu, vai dar uma surtada nisso, pois você só vai realmente descobrir os horários corretos quando chegar lá. Mas relaxe! É normal, sempre tem van e você não vai ficar à devira, de verdade.

Segundo ponto: o tempo de deslocamento. Eu li em váaaarios lugares que as minivans eram mais rápidas, justamente por serem menores e por “correrem” mais que os ônibus, o que é verdade, mas na prática não é isso que acontece.

 

minivan-tailandia-min-780x585 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Essa mini van estava até bonitinha, mas tem algumas mais caídas e com ventilador de teto.

 

Como os locais usam demais as minivans, elas vão parando o TEMPO INTEIRO e catando gente durante todo o percurso. Você pode dar sorte da van lotar e todo mundo querer ir pro destino final, mas é bem improvável de acontecer, vai por mim. Se você tem o tempo contado para chegar em algum lugar, pegue a minivan com tempo livre de antecedência ou opte pelo busão, pois às vezes você pode demorar 2h a mais do tempo planejado com essa catação de corno.. 🙄 Sempre que tinha opção, eu pegava o ônibus.

Se você tiver bagagem que não dê para levar no colo (só rola mochila), vai ter que pagar um assento extra pois a minivan não tem bagageiro. Considere esse valor na hora do seu orçamento!

Não chega a ser algo que te faria deixar de pegar a van, mas não posso deixar de comentar: elas fedem a Fandangos, pro meu olfato, e a cachorro molhado pro do Alan.. hahah

 

posts-viaje-thais-min Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Lembrando que se você fizer sua reserva através dos links parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, E VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, mas super me ajuda a continuar postando conteúdo GRÁTIS!

 

 

2. ÔNIBUS

Pontos positivos:

As estradas da Tailândia são super tranquilas, o trajeto quase não sacode e os busões são bem pontuais. Sem dúvidas o ônibus foi minha forma preferida de rodar dentro da Tailândia. Além do mais, claro que no busão tem bagageiro, então você só paga mesmo o preço da passagem, que pode ser até mais barata que uma minivan.

 

Paguei de Bangkok para Hua Hin 200 baht por pessoa (R$20,00) para um trajeto de ônibus de 3h e 200km.

 

Eu achei o ônibus beeem mais confortável que as minivans. A maioria são esses executivos comuns com ar condicionado, para você tem noção no tamanho do assento e tudo mais. Na minivan é bem mais apertado e elas fedem (depois você acostuma, mas fedem a Fandangos). Fora que alguns horários de ônibus são possíveis de se achar na internet, o que facilita o planejamento.

Sinceramente não vejo pontos negativos em andar de ônibus na Tailândia! Tudo bem que eu só fiz trajetos curtos de até 4h, que eu acho que são os que valem a pena.

 

onibus-tailandia-min-780x585 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Interior do ônibus que foi de Bangkok para Hua Hin

 

3. AVIÃO

Se o trajeto for mais longo, o melhor é pegar um voo para rodar dentro da Tailândia. Dá para conseguir pechinchas ótimas e a não ser que você tenha o dinheiro muito contado e o tempo muito longo, não vale a pena ir de ônibus de Bangkok para Phuket, por exemplo. São mais de 800 kms, 14 horas de ônibus contra 1h de voo.

 

Pontos positivos:

Os de sempre de um voo! É rápido e na Ásia não costuma ser caro. Com menos de R$100,00 você pega um voo desse pra Phuket, comprado com antecedência. Os aviões da Air Asia e Thai (foram os que usei) são bem confortáveis e tudo correu bem.

 

tailandia-onibus-min-780x582 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

As malas que usamos para os 37 dias de viagem. Uma de rodinha de bordo e uma grande.

 

Pontos negativos:

Os aeroportos costumam sempre ser mais afastados que estações de ônibus, o que deve ser levado em consideração na hora do seu orçamento. Às vezes a gente se anima com um voo baratinho e não percebe que vai ter que pagar R$100,00 de táxi para chegar no aeroporto. Fique sempre de olho nisso e pesquise como chegar do seu hotel até o aeroporto.

Não deixe de conferir  também a franquia de bagagem antes de fechar qualquer voo para rodar dentro da Tailândia.Leia as regras! Em algumas situações vale mais a pena pegar o voo aparentemente mais caro, mas que libera bagagem, do que pegar um low cost e ter que pagar a mala por fora.

 

Na minha volta de Phuket para Bangkok eu optei pela Thai Airways por 2 grandes motivos:

  1. Ela voava para o aeroporto principal de Suvarnabhumi, e a Air Asia voava para o Don Mueang, o outro aeroporto internacional de Bangkok.
  2. Na Thai eu podia despachar 30kg por pessoa, mesmo voando de econômica, e na Air Asia eu pagaria por fora. Na ponta do lápis saía até mais barato!

 

 

4. TREM

Ouvi dizer que tem, mas não usei! rs Pelo o que parece eles são bem lentos, então não foi uma opção que cheguei a considerar em nenhum dos meus trajetos.

 

5. MOTO

Uma das minhas maiores dúvidas era se eram possível rodar dentro da Tailândia de moto! Li em vários lugares que brasileiros não podem dirigir no país, mas alguns lugares que queria visitar não possuiam acesso por transporte público, como o número 4 do mapa. Ele é um Parque Nacional incrível que me fez ir até Hua Hin para conhecer, veja se não vale a pena:

 

parque-nacional-tailandia-min-780x515 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Khao Sam Roi Yot National Park : meu ponto de desejo próximo a Hua Hin

 

Como Alan pilota moto e ama, é sempre um transporte que consideramos, além de ser rápido, prático e barato. Mais uma vez a Taís me esclareceu que na prática todo mundo aluga moto na Tailândia e me tranquilizou. E alugam mesmo! O que você mais vê são cabeças loiras (os grigos europeus se destacam! hahah) rodando pra cima e pra baixo em cidades menores como Hua Hin e Pattaya.

 

Não indico alugar moto em Bangkok, porque o trânsito é caótico e a fiscalização lá pode ser mais pesada…

 

Os caras não te pedem absolutamente nada, não querem nem ver se você tem CNH. Mas se a polícia te parar eles vão te pedir sua CNH e Habilitação Internacional (PID). O bonito do marido não levou, e tomou uma multa de 400 baht (R$40,00), e é só isso que acontece. Tire sua PID e rode bastante de moto, pois é MUITO barato. Muito, muito, muito.

 

 

TRANSPORTES QUE USEI PARA RODAR DENTRO DA TAILÂNDIA NO MEU ROTEIRO

“E no fim das contas, o que é melhor, Thaís?” – você me pergunta.

Tudo vai depender do trecho que você quer, quanto de babagem você tem e o tempo disponível. Por isso vou listar aqui o que usei para rodar dentro da Tailândia, com preços e tempo de trajeto. Assim se você for pegar algum desses trechos, já facilita sua vida e abre uma luz no fim do túnel! 😄

 

1 – De Bangkok para Ayutthaya

Fiz de minivan e foi uma ótima pedida. A maior parte das pessoas faz esse trajeto de trem, que pode demorar 3 horas, eu fiz em 1h somente! Isso me possibilitou fazer um bate e volta muito tranquilo, e retornei para Bangkok no fim do dia. Vou contar melhor sobre esse dia depois!

 

As minivans saem da estação Mochit
Pagamos 60 Baht o trecho (R$6,00)
A ida demorou 1h e a volta 1:40h pelo trânsito

 

moto-tailandia-min-780x585 Formas rápidas e baratas de rodar dentro da Tailândia (COM PREÇOS!)

Alugamos a moto mais ridícula da Tailândia… hahah

 

2 – De Bangkok para Hua Hin

Pegamos um ônibus da estação mais ao sul, a Southern Station, e esse trecho eu não achei minivan que fizesse, e olha que eu busquei bastante! Se alguém souber de onde sai, conta aqui! O trajeto foi ótimo, mas o único chato é que essa estação é longe pra caramba e gastamos um dinheiro do nosso hotel para lá, custando 350 Baht ou R$35,00 no taxímetro. Não parece tanto, mas comparando com o valor da passagem do ônibus, dói no peito..rsrs

 

Ônibus saem da Southern Station
Pagamos 200 baht por pessoa (R$20,00)
Demorou 3h, e o ônibus ainda parou na porta do nosso hotel, que era caminho

 

3 – De Hua Hin para Kanchanaburi

Fomos de minivan e tivemos que pagar um assento extra pelas malas. Essa foi uma das viagens mais cansativas, pois demorou mais de 5h o trajeto que deveria ser 3h. Na prática não encontrei ônibus que faziam esse trajeto, então também aceito infos!

 

Minivans saem do Shopping Market Village
Pagamos 220 Baht por pessoa + malas (R$22,00)
Demorou 5 intermináveis horas

 

4 – Kanchanaburi para Bangkok

Novamente uma eterna minivan. Como me arrependi de não ter pego ônibus! Eu estava cansada, não pensei direito e realmente dei bobeira. Elas saem da única estação de ônibus da cidade.

 

Minivan custou 240 Baht por pessoa + malas (R$24,00)
Demorou 4 horas em um trajeto de 2:30h

 

5 – Bangkok para Pattaya

Peguei um busão lindo que demorou só as 2 h programadas, tanto pra ir, quanto para voltar. Existem também minivans e outras saídas, mas o local que tem mais horários é a estação Ekamai, que inclusive é a mais fácil de se chegar com transporte público em Bangkok.

 

Ônibus custou 200 Baht (R$20,00) por pessoa
Demorou apenas 2h

 

6 – Phuket

Depois de rodar bastantre dentro da Tailândia, viajei para Myanmar e Camboja, e cheguei em Phuket via Siem Reap. Fui de avião, claro, e paguei bem baratinho na Air Asia.

 

Modéstia à parte, gente, mas como eu queria um post desse quando planejei meu roteiro! hahaha Claro que alguns de vocês vão querer conhecer cidades que eu não fui, e aqui não tem todas as informações sobre como rodar dentro da Tailândia, mas já abre bastante a mente e é um pontapé inicial para sua programação.

 

Se você foi para alguma cidade diferente e usou um transporte público, conta aqui para nós! Juntando forças ajudamos mais pessoas a conhecer esse país lindo!

 

LEIA MAIS

 

 

Faça suas reservas aqui pelo blog

Cada vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão que nos ajuda continuar a atualizar o conteúdo. E você, leitor, não paga nada a mais por isso! Então reserva, vai? :)

Compartilhe

Se gostou das dicas,
receba gratuitamente por email!

Tags:  , , , , , , , , , ,
Thaís Towersey
29 anos, "mãe" orgulhosa de dois gatos e um tanto desequilibrada (veja no Stories!) Trocou as paisagens cariocas pela vida agitada de São Paulo, que hoje ama como sua cidade natal. Apaixonada por viagens e gastronomia, está sempre procurando novos destinos para explorar e mostrar a vocês! Ache-a no Google + e no Instagram.
Deixe seu comentário

12 Comentários:

  1. Eduardo30/09/2018

    Oi Thais! Primeiramente parabéns pelo post, ajuda muito os viajantes de plantão! Vi que dá pra fazer um bate/volta para Pattaya de Bangkok! Sabe dizer que horas sai o último ônibus de Pattaya para Bangkok ou se tem minivan também?? Brigado!!!

    Responder
    • Thaís Towersey01/10/2018

      Oi Eduardo,
      que bom que gostou do texto :)) Mas infelizmente não vou saber te falar os horários dos ônibus rsrs
      Eu indicaria ficar pelo menos uma noite em Pattaya, lá é bem icnrível à noite!!
      Beijão

      Responder
  2. Felipe17/04/2017

    Oi, Thais. Estou indo em Maio, e tenho duvidas… Embora seja perto, não vale a pena ir de Bangkok para Hua Hin de avião ? Sabe se é possível…. Precisarei ir a Hua Hin, e não tenho muito tempo… Acho 3,5h de onibus bem puxado. rsrsrsrs. E outra coisa: Que ônibus vc pegou ? Quais os horários ?

    Responder
    • Thaís Towersey17/04/2017

      Oi Felipe, tudo bem? Não acredito que tenha, é muito perto.. seria um voo de 20, 30 minutos. Mas estou especulando, nunca pesquisei.
      O ônibus peguei lá na estação que comentei nesse texto, tem várias saídas durante o dia todo. É só chegar, procurar a placa que fale Hua Hin e comprar. Não esperamos nada quando chegamos..
      Desapega de horário, porque é quase impossível saber horário certinho de busão por lá! rs

      Bj

      Responder
  3. Anna Camila20/01/2017

    Descobri seu blog bem por acaso pesquisando sobre a Tailândia.
    Irei com o marido em Junho e já estou anotando todas as dicas…
    Ainda estou com certa dificuldade de montar o roteiro, já que li que as ilhas mais famosas não são tão boas em junho, enfim…
    Vou fuçar até o blog pra ir preparada!
    Você acha que até uns quantos km é legal ir de ônibus?

    Obrigada!

    Responder
    • Thaís Towersey20/01/2017

      Oi Anna, que bom que está curtindo as dicas!
      Então, não diria por km, mas por tempo de busão mesmo.. Eu achei as estradas todas muito tranquilas, então vai muito do tempo que você tem que dispor no país.
      É que eu não curto perder 24h me deslocando em um ônibus se eu puder chegar mais rápido de avião, mas se o preço for muuuito diferente, também pode não compensar.
      Tem que colocar tudo isso na balança! 🙂

      Beijos

      Responder
  4. Tais05/01/2017

    ownnn Que dedicação mais linda <3
    arrasouuu nas dicas, post mais que completo! Te ajudar com (todas) as perguntas foi mais que um prazer além de mega divertido 😉

    Responder
    • Thaís Towersey05/01/2017

      Na verdade tenho que colocar um parágrafo desse em todos os posts do sudeste asiático, né? hahaha
      Pena que acabei não fazendo aquele rolê todo no Camboja, depois te conto!

      Beijos e obrigada pelo carinho <3

      Responder
  5. Jaqueline05/01/2017

    Você é uma inspiracão! Espero um dia conseguir acumular tantas experiências quanto você.

    Responder
    • Thaís Towersey05/01/2017

      Oi Jaqueline, que comentário mais amor <3
      Vai acumular sim, menina, ninguém nasce sabendo... Com a tempo vai tirando tudo de letra! 🙂

      Obrigada por deixar sua marca no Guia Mundo Afora!
      Beijão

      Responder
  6. Rafael e Carol02/01/2017

    Olá, que post completo e incrível.

    Aproveitem muito e feliz ano novo.

    Rafael e Carol

    Responder

Conta aí o que você acha! :)